Página inicial

Notícia > Municipal

  • 31.12.2015 - 05:34

    Santa Rita vai deixar de receber R$ 154 mi do Ministério das Cidades

    Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte

     Foi votado na manhã desta quarta-feira (30), na Câmara Municipal de Santa Rita, o Projeto de Lei Municipal de nº 082/2015 que dispõe sobre a Política Municipal de Saneamento Básico, cria o Conselho Municipal de Saneamento e o Fundo Municipal de Saneamento.  Para que o projeto fosse aprovado, seriam necessários dez votos.  Dos 19 vereadores, nove deixaram a sessão e não participaram da votação. Foram eles: Flávio Pereira, Aurian Farias, Cibele, Josa de Nezinho, Tubarão, Missinho do Bode, Paulo Martins e Jauris.  O vereador João Júnior votou contra a aprovação e o vereador Anísio, que presidia os trabalhos, só iria votar em caso de empate.

    Sem a quantidade de votos necessária, o projeto foi reprovado, e com isso, o Ministério das Cidades pode deixar de enviar recursos de aproximadamente R$ 154 milhões para o saneamento básico do município e que iria beneficiar principalmente os bairros de Tibiri II, Marcos Moura, Heitel Santiago e Loteamentos.

    Foram favoráveis ao projeto os vereadores, Célio Rufino, Manoel da Usina, Padí, Leomar, José do Sindicato, Finha, Ivonete, Vanda e Bebé.

    (Secom muncipal)