Página inicial

Notícia > Esportes

  • 24.07.2018 - 05:29

    Treze elimina o Imperatriz e se garante na final da Série D

    Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte

    O Amigão viveu mais uma disputa de pênaltis na noite desta segunda-feira (23) pela Série D do Campeonato Brasileiro. Depois da eliminação do seu maior rival duas semanas atrás, quando perdeu para o Ferroviário-CE também nas cobranças da marca da cal, o Treze venceu o Imperatriz-MA por 1 a 0 no tempo normal, placar que levou a decisão para as penalidades. Assim como no primeiro mata-mata, Mauro Iguatu foi herói. O arqueiro defendeu três cobranças e garantiu o alvinegro na decisão do torneio.

    A primeira etapa não foi de muitas emoções. Precisando vencer, o Treze tinha controle das ações do jogo, enquanto o time maranhense buscava neutralizar os espaços.

    O Galo da Borborema tentava muitas jogadas pelo lado esquerdo com Ceará, que ia sempre para cima da marcação que estava bem postada, e impedia as infiltrações do atacante alvinegro.

    O primeiro lance mais perigoso do duelo foi do Imperatriz. Aos 24 do primeiro tempo, Kaká encontrou Eloir, que invadiu a área e bateu cruzado de pé esquerdo. A bola passou tirando tinta da trave esquerda de Mauro Iguatu.

    A resposta do time de Campina Grande veio aos 30 minutos, quando Marcelinho Paraíba cobrou falta da entrada da área e Jean fez a defesa.

    Antes do intervalo, a melhor chance do Treze veio aos 41 minutos, quando o camisa 10 alvinegro cobrou escanteio e Ítalo cabeceou. A pelota passou raspando o poste direito, arracando até gritos de gol de alguns torcedores.

    Segundo tempo

    Na volta para os 45 minutos finais, a equipe maranhense começou assustando com Eloir, já aos 2 minutos. O camisa 10 alvirrubro foi lançado, recebeu na área, mas foi travado por Nilson Júnior na hora do chute.

    Aos 9 do segundo tempo, após troca de passes no meio campo, Marcelinho Paraíba ficou com a bola na intermediária, passou pelo marcador e soltou a bomba de pé esquerdo, mas o goleiro fez grande defesa e mandou a bola, que ia no seu canto direito, para escanteio.

    De tanto pressionar, saiu o gol do Galo. Aos 12 minutos, após cobrança de escanteio da direita, depois de desvio no primeiro pau, Maxwell Samurai subiu livre e cabeceou para o fundo do gol, explodindo a torcida que lotava o Amigão.

    O Impratriz quase empatou aos 24 minutos, quando Eloir invadiu a área e tocou por cima de Mauro Iguatu, mas Nilson Júnior apareceu quase em cima da linha para afastar de cabeça e salvar o Galo.

    A partida se tornou dramática nos minutos finais quando os jogadores dos dois times começaram a sofrer com cãibras e lesões. O camisa 10 do Treze, Marcelinho Paraíba, jogador mais experiente, no alto de seus 43 anos, depois dos 40 minutos, não tinha mais condições de jogar, com dores na perna direita, mas permanecia em campo já pensando na disputa por pênaltis.

    Pênaltis

    Mauro Iguatu defendeu a primeira cobrança de Wanderley;

    Marcelinho Paraíba chutou por cima da meta;

    Daniel Barros cobrou no canto direito do goleiro e abriu a contagem;

    Leandro Love chutou no alto do canto direito de Jean e empatou; 

    Gabriel Paulino chutou no canto direito e Mauro Iguatu defendeu pela segunda vez;

    Carlos Copetti também chutou no lado direito, no alto, e colocou o Galo na frente do marcador;

    Eloi chutou por cima do gol a quarta cobrança do Imperatriz-MA;

    Mauro Iguatu queria coroar sua noite como herói, mas mandou com força na trave esquerda, e desperdiçou;

    Mas ele teria que ser o herói. Mauro Iguatu defendeu a cobrança de André Penalva, sua terceira na disputa, e colocou o Galo na final da Série D.

     

    Voz da Torcida