Página inicial

Notícia > Política

  • 08.02.2018 - 07:28

    Romero elogia Polícia e afirma que servidor preso ‘não tem tarja na testa’

    Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte

     O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB) parabenizou a ação da Polícia Federal na Rainha da Borborema nesta terça-feira, 07, que prendeu suspeitos de integrar quadrilha responsável pela explosão de banco dentro do Shopping Partage.

    Em entrevista a Rádio Correio, Romero afirmou que os parabéns a Polícia são merecidos porque “Campina Grande precisa de uma ação mais sistemática de segurança pública, em relação a esta pessoa, só podemos lamentar pela família, ele foi preso e errou, o que cabia a Prefeitura era agir e fizemos, inclusive, de forma retroativa”, disse.

    O gestor disse ainda que Romário Gomes “perdeu a chance dele, que poderia ser a grande chance da vida e perdeu, não quis viver dignamente” e seguiu afirmando que conhece a família do ex-servidor, que foi exonerado após ser preso hoje, “ele tem uma família super trabalhadora e decente, que inclusive eu conheço, a mãe dele é honesta”.

    Questionado sobre a função que Romário desempenhava na Prefeitura, ele disse que “Romário trabalhava há bastante tempo e que agia de forma delinquente na calada da noite, ninguém traz uma tarja na testa”.

    Romero Rodrigues falou ainda sobre política, mas destacou que não há qualquer definição sobre parceria com o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD) ou com o senador José Maranhão (MDB). Ele finalizou dizendo não acreditar que poderá ser deixado para trás na disputa, “eu prefiro acreditar nas pessoas, conheço os senadores Cássio e Maranhão há muito tempo”.