Página inicial

Notícia > Economia

  • 08.11.2018 - 09:23

    Procon chama revendedores para explicarem aumento no preço do GNV

    Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte

    Pesquisa comparativa de preços para combustíveis realizada nesta quarta-feira (7) pelo Procon-JP constatou aumento de 24 centavos no menor preço do gás natural veicular (GNV), em relação à pesquisa do mês de outubro, quando o valor era de R$ 3,479. Agora, o menor preço é de R$ 3,719. O Procon-JP está convocando os revendedores do produto para uma reunião no início da próxima semana.

    O secretário Helton Renê informa que a reunião com os revendedores já está sendo agendada e o Procon-JP vai cobrar justificativas sobre o aumento. “Como nossas pesquisas são comparativas, fica fácil ver o aumento de preço praticado mês a mês. Como o maior valor também registrou elevação de 25 centavos em relação ao dia 17 de outubro, eles vão ter que se explicar, até porque, todos os 13 postos que trabalham com o produto em João Pessoa elevaram os preços”.

    Quanto à gasolina, ainda não houve reflexo das reduções de preços anunciadas pela Petrobras nas bombas. “Acredito que os postos ainda estão usando o estoque do produto de antes das reduções anunciadas, como alguns já alegaram. Porém, ficaremos de olho por mais alguns dias para ver quando o consumidor vai se beneficiar com essa queda nos preços da gasolina, o que não pode demorar muito”, informou Helton Renê.

    Preço da Gasolina

    O menor preço da gasolina hoje está sendo praticado a R$ 4,399, o mesmo registrado em outubro. O maior preço sofreu redução, saindo de R$ 4,699, em outubro, para R$ 4,599. Mantiveram os preços 87 postos, 12 reduziram e três aumentaram. A pesquisa visitou 103 postos em atividades na Capital.

    Álcool

    O etanol também teve elevação no menor preço, se comparado a outubro, passando de R$ 2,899 para R$ 2, 909. O maior se manteve em R$ 3,499. Trinta e dois postos baixaram o preço, 57 mantiveram e dois aumentaram.

    Diesel

    O menor preço do óleo diesel S10 se manteve o mesmo da pesquisa anterior, em R$ 3,549 e, o maior, também continua a R$ 3,999. Doze postos baixaram os preços do S10, 11 estabelecimentos aumentaram e 67 mantiveram o mesmo valor do levantamento de preços do dia 17 de outubro. Acesse a pesquisa no link.