Página inicial

Notícia > Esportes

  • 27.04.2018 - 04:49

    Botafogo-PB perde pra o Bahia e se complica na Copa do NE

    Aumentar fonte Aumentar fonte Diminuir fonte Diminuir fonte

     Botafogo-PB e Bahia iniciaram a disputa das quartas de final da Copa do Nordeste na noite desta quarta-feira (26). Na primeira partida, no estádio Almeidão, assim como na fase de grupos, o time baiano levou a melhor. Desta vez, o placar foi 2 a 1 para os visitantes.

    Os dois times entraram em campo com vários desfalques. Do lado do Belo, Gladstone, Rogério e Allan Dias foram substituídos por Walber, Humberto e Mazinho. Do lado do Bahia, o zagueiro Tiago, o meia Zé Rafael, o lateral direito Nino Paraíba e o lateral esquerdo Léo ficaram de fora.

    Mesmo com o discurso de que o Bahia era superior tecnicamente, o treinador Leston Júnior escalou um time ofensivo, e os 6 minutos, por muito pouco o Belo não abriu o placar. Marcos Aurélio recebeu na esquerda, cortou para o meio e chutou de pé direito. A bola quase foi no ângulo esquerdo de Douglas, que resvalou nela, o suficiente para evitar o gol e mandar para escanteio.

    O Bahia respondeu aos 12 minutos, quando Vinicius acertou um lindo lançamento de mais de 40 metros e encontrou Elber sozinho, por trás da zaga botafoguense. Ele dominou e bateu de pé esquerdo. A bola foi na rede, mas pelo lado de fora.

    E o Botafogo-PB seguia no ritmo do seu camisa 10. Aos 23 minutos, Marcos Aurélio recebeu na entrada da área e chutou de pé direito, com muito perigo. A bola tirou tinta do poste direito da trave de Douglas.

    No fim do primeiro tempo, já depois dos 45, Humberto errou na saída de bola, Vinicius se aproveitou e passou para Marco Antônio, que invadiu a área e chutou forte, de pé direito, e mandou no canto superior esquerdo de Saulo. A pelota ainda bateu no travessão antes de estufar a rede e abrir o placar no Almeidão.

    Segundo tempo

    Com a vantagem no placar, o Bahia voltou para o segundo tempo matar o jogo. No primeiro minuto, Vinicius se aproveitou de uma falha de Carlos Renato e chutou com perigo. Na sequência, Após cruzamento da direita, Saulo saiu mal demais do gol, espalmou para frente e Rodrigo Becão, sozinho na pequena área, mandou para fora.

    A resposta do Botafogo-PB só poderia vir dos pés de seu camisa 10. Aos 4 minutos, Dico cruzou da esquerda, a bola passou por todo mundo, menos por Marcos Aurélio, que teve calma, dominou, e bateu alto, no canto direito de Douglas, empatando o jogo no Almeidão.

    A partida passou a ficar equilibrada, e outra boa chance veio apenas aos 23 minutos. Júnior Brumado, que acabara de entrar, invadiu a área aos trancos e barrancos, passou por Carlos Renato e chutou de pé direito, mas Saulo mandou para escanteio.

    Aos 29, o Bahia conseguiu marcar novamente. A jogada começou na esquerda, com Elber, que tocou para Júnior Brumado, na entrada da área. O atacante ajeitou de letra para Régis bater forte, de pé esquerdo, no canto esquerdo de Saulo.

    Bem na partida, o Botafogo-PB não se abateu, e aos 32 minutos quase empata. Djavan roubou a bola, tabelou com Mazinho e passou para Carlos Renato, que cruzou e Mazinho chutou de pé esquerdo, com muito perigo para o goleiro Douglas.

    No fim do jogo, aos 44, já debaixo d chuva, Marcos Aurélio cobrou falta da entrada da área, no canto direito do gol, mas o arqueiro baiano caiu e fez boa defesa.

    Antes do apito final, aos 48, o Tricolor de Aço perdeu outra chance incrível. Elber avançou pela esquerda e tocou para o meio da área, onde Júnior Brumado apareceu sozinho, na pequena área, mas tocou para fora.

    Botafogo-PB e Bahia voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira, 3 de maio. Para se classificar, o Belo precisa vencer por dois gols de diferença ou por um, desde que seja por 3 a 2 em diante.

    Ficha técnica

    Botafogo-PB 1 x 2 Bahia
    Copa do Nordeste de 2018 (quartas de final – 1º jogo)
    Estádio: Almeidão (João Pessoa)

    Arbitragem: Péricles Bassols; Clóvis Amaral da Silva e Cleberson do Nascimento Leite. Trio pernambucano. 

    Voz da Torcida